Foto: Jangada Filmes

No dia 26 de outubro o Movimento Pestalozziano no Brasil completa 94 anos. Essa data é muito importante para as Associações Pestalozzi pois, são, 94 anos atendendo pessoas com deficiência em todos os 4 cantos do Brasil.

O Movimento Pestalozziano no Brasil teve início no ano de 1926, na cidade de Porto Alegre/RS, com a criação do Instituto Pestalozzi de Canoas, hoje Associação Pestalozzi de Canoas. Em 1929, a convite do Governo do Estado de Minas Gerais, a educadora russa Helena Antipoff chegou ao Brasil trazendo o legado de informações e aprendizado obtidos com Johann Heinrich Pestalozzi, enfatizando o trabalho na reabilitação e na formação de pessoas para o atendimento especializado à pessoa com deficiência. Alguns anos depois foram implantadas as Associações Pestalozzi em Minas Gerais, no Rio de Janeiro e em São Paulo.

O Movimento Pestalozziano tem a inabalável convicção de que a pessoa com deficiência se desenvolve de dentro para fora e não na direção oposta como propõe a educação convencional.

As Associações Pestalozzi, as Federações Estaduais e todo o Movimento Pestalozziano se fundam nas premissas do amor e esperança, as quais sustentam o esforço individual e coletivo pela educação, reabilitação e inclusão social das pessoas com deficiência. O movimento ganhou força e hoje faz parte da vida de diversos brasileiros.

Atualmente, a Federação Nacional das Associações Pestalozzi – FENAPESTALOZZI possui uma rede formada com 232 Associações Pestalozzi, sendo 10 Federações Estaduais e 5 entidades análogas. No Estado de São Paulo são 4 Associações Pestalozzi, que estão sediadas nas cidades de Osasco, Sumaré, Hortolândia e Campinas.